terça-feira, 2 de outubro de 2007

A Birmânia e Aung San Suu Kyi



Myanmar adoptou o actual nome em 1989, em detrimento ao antigo nome de Birmânia, nome ainda reconhecido por muitos países.
Localiza-se no sudoeste da Ásia e tem cerca de 46 milhões de habitantes.
Myanmar é actualmente um regime militar com capital em Yangon (originalmente Rangum) e capital administrativa em Naypyindaw, governado por uma junta militar.
Obteve a sua independência do Reino Unido em 1948.
Em 1962, um golpe militar leva ao poder o general U Ne Win, estabelecendo um regime comunista que governa ditatorialmente até 1988.
Ainda em 1988, um novo golpe militar leva ao poder o general Saw Moung, dando continuidade ao regime.
Em 1990, num afrouxamento momentâneo, o regime militar, permite a realização de eleições.
O partido Liga Nacional pela Democracia, fundado por Aung San Suu Kyi, obtém 82% dos votos. Os militares responderam com um endurecimento da repressão e invocaram um argumento legal para ignorar o escrutínio.
Em 1991, Aung San conquista o Prémio Nobel da Paz, que não pode receber por estar em prisão domiciliária. Quem foi receber o prémio Nobel em Oslo, foi um dos seus filhos, Alexander Aris.
Estas foram as suas palavras ao receber o prémio:"Não podemos esquecer que a luta que se desenrola num jardim fortemente guardado em Rangum é parte de uma luta muito mais vasta, mundial, pela emancipação do espírito humano da tirania política e da submissão psicológica".

Aung San Suu Kyi continua em prisão domiciliária, agora em parte incerta, devido às manifestações das últimas semanas levadas a cabo pelos monges budistas.

(Dados retirados da Wikipédia, Jornal Público de Domingo (30/09/07) do artigo de José Vítor Malheiros) e revista Pública de Domindo (30/09/07) da crónita de Faiza Hayat)



Aqui deixo o meu manifesto de apoio ao povo da Birmânia e, principalmente, ao exemplo de coragem e de abnegação que é a Sra. Aung San Suu Kyi.




5 comentários:

Estrela do mar disse...

...passei para lhe desejar um bfs...


Beijinhosssss

Cris disse...

QUERIDA AMIGA....* . * . * . * . * . * . * . * . * . * . * .
. * . * . * . * . * OLAAÁ !!! . * _/\_ . * . * . * . . * .
. * .*_/\_ *. * . * . * . * . * .>,"< . * . * . * . *
*. * .>,"< * ESTOU PASSANDO SÓ * . * . * . .
* . * . * . * . * . * . * . * . * . * . * . * . * . * . * .
. * . * . * _/\_. * . PRA DEIXAR* . * . * . * . * . *
. * . * . * >,"< . * . * . * . * . * . *. * . * . * . * .
* . *. * . * . * . * . * .UM GRANDE BEIJO* . * . * . *
. _/\_ * . * E DESEJAR BOM FIM DE SEMANA



* . *. _/\_ * CRIS * _/\_ *.* . *

greentea disse...

estas lutas são importantes para que não esqueçamos o que já houve noutros locais do Mundo, noutros países e como certos governntes actuam !


Um beijo para ti

Pitanga disse...

Um beijo, Isabel e...sinto tua falta lá na árvore.

Alexiev disse...

Gracias por el comentario en mi blog... Se te entendió perfecto... Espero que mi español también se entienda...

Tengo 4 libros traducidos al portugués y al ingles, pero creo que se venden en Brasil...

Gracias...

http://www.alexiev.com.ar
Alexiev Store